08/02/2018 – GOIÁS – Gustavo Mendanha prestigia inauguração da nova sede da Câmara e faz breve balanço

O novo prédio da Câmara de Vereadores de Aparecida de Goiânia foi apresentado na manhã desta terça-feira, 06, às autoridades políticas, empresariais, população em geral e imprensa do município. A nova sede está localizada na Avenida de Furnas no Setor Maria Luíza e substitui, de forma provisória, o antigo prédio, que ficava no Centro e não comportava mais as ações e atividades realizadas pelo Legislativo. A solenidade de inauguração foi realizada juntamente com a primeira Sessão Ordinária do ano, após um tour pelas novas dependências.

Superintendência de Jornalismo

Ao prestigiar o início das atividades do Legislativo municipal, o prefeito Gustavo Mendanha (MDB) parabenizou o presidente da Casa pela conquista e ressaltou a relação republicana entre os dois poderes. ” A Prefeitura e Câmara são parceiras sempre. E essa parceria ajuda Aparecida a ser uma das cidades que mais crescem no país e essa obra simboliza todo esse crescimento e desenvolvimento. O presidente Vilmarzin está de parabéns por esta conquista, pois este prédio irá proporcionar um ambiente melhor para debates e discussões, com uma participação popular mais ativa”, destacou o prefeito que presidiu a Câmara por dois mandatos.

Gustavo salientou também que a demanda pela mudança da sede do Poder Legislativo Municipal foi anseio de vários presidentes, incluindo ele, mas que só agora, em 2018, que o novo prédio toma forma. “Em 2014, quando estava presidente, lançamos o projeto para a construção de um novo espaço, mais amplo. A estrutura acanhada e retrógrada do antigo prédio não condizia mais com o status da nossa cidade. E ainda que provisoriamente, esta nova estrutura atenderá a todos e logo serão iniciadas as obras da sede definitiva da Câmara”, disse o prefeito.

A nova sede provisória é composta por uma fachada toda em blindex, um estacionamento no subsolo para até 30 carros. No primeiro andar, ficará basicamente a estrutura administrativa da Câmara, com mais de 20 salas distribuídas em local de reunião, administração, presidência e vice-presidência. “Em maio daremos início às obras da sede definitiva, mas este prédio que inauguramos hoje, acomodará com qualidade e conforto a população e também dará maiores condições de trabalhos aos vereadores”, comentou o presidente da Câmara, Vilmar Mariano (MDB).

O plenário, que recebeu o nome de João Antônio Borges, ex-vereador e presidente da Câmara de Aparecida por três mandatos e que faleceu no ano passado, fica no térreo e conta com uma mesa para acomodar os 25 parlamentares e ainda 120 cadeiras para as pessoas que quiserem assistir às Sessões Ordinárias, realizadas de terça a quinta-feira. Além deste espaço, o térreo conta ainda com 24 salas incluindo gabinetes, sala de imprensa, de reunião, cozinha e recepção. Há ainda três banheiros, sendo um adaptado para pessoas com deficiência.

Projeto – A construção da nova Câmara, que deve ser iniciada em maio, receberá recursos de três fontes. A própria Câmara contribuirá com R$ 5 milhões, provenientes de um fundo e da venda de uma área próxima no setor Village Garavelo. Já por parte do governo estadual, será firmado um convênio com a prefeitura de Aparecida, que proporcionará um repasse de R$ 2,5 milhões. Por fim, o poder executivo aparecidense cooperará com montante de igual valor, totalizando R$ 10 milhões.

BALANÇO

No final da solenidade de inauguração da nova sede da Câmara Municipal de Vereadores de Aparecida de Goiânia, a sessão extraordinária desta terça-feira, 06, foi reaberta e o Prefeito Gustavo Mendanha fez uma breve prestação de contas aos parlamentares. O gestor explicou que 2017 foi um ano atípico devido à crise o que gerou a redução de repasse de recursos para obras de infraestrutura, educação e saúde, mas que mesmo assim a administração realizou diversos serviços voltados para a melhoria da qualidade de vida dos moradores, sendo a segunda que mais gerou empregos no Brasil, ficando atrás apenas de Joinville (SC).

“Geramos mais de quatro mil empregos diretos no município em 2017, um número alto apesar da crise e isso é fruto do nosso trabalho intenso. E em busca da melhoria e crescimento da cidade, estive várias vezes em Brasília para obter a liberação dos recursos para a compra de equipamentos e assim poder iniciar as atividades do Hospital Municipal, que sei que é uma cobrança de todos vocês vereadores e também da população. Outra questão importante que estamos trabalhando é na finalização da licitação e início das obras de 10 Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis) para atender mais crianças e já nos próximos meses vamos retomar a pavimentação de ruas e bairros”, comentou o prefeito.

Gustavo Mendanha destacou que irá retornar ao plenário da Câmara para uma prestação de contas mais completa. “Em fevereiro vamos reabrir a UPA Brasicon no Centro e neste período chuvoso intensificamos as ações voltadas para a roçagem dos lotes baldios e também de tapa-buraco. Além das demais ações de infraestrutura, inauguramos 12 praças de lazer e prática de exercícios, uma por mês. Sendo duas delas de grande relevância como a Praça de Israel, em homenagem ao país que iniciou uma relação de comércio com a nossa cidade”. Outro ponto importante destacado pelo gestor municipal é a criação de seis novas linhas de ônibus, que farão o trajeto interbairros, facilitando o acesso dos moradores e trabalhadores às suas casas e empregos.

Mais recursos – O prefeito Gustavo Mendanha finalizou a prestação de contas enfatizando que aumentará as idas à Brasília e também ao Palácio Pedro Ludovico Teixeira neste primeiro semestre, em busca de recursos para a realização de mais obras na cidade. “Intensificaremos nossas reuniões nos ministérios e também com o presidente Temer, além de encontros com o governo Estadual neste primeiro semestre, pois por ser ano eleitoral, o prazo para liberação de recursos e aprovação de projetos é reduzido. E nosso objetivo é realizar obras que beneficiem a cidade e principalmente os moradores de Aparecida”, disse Gustavo que estava acompanhado do vice-prefeito, Veter Martins (SDD) e do secretariado municipal.