09/03/2018 – GOIÁS – Assistência Social realiza mais uma edição do projeto Café com Ideias de Mulheres

Iniciativa quer atingir cerca de 500 mulheres do município, com intuito de ouvir as demandas de cada uma e desenvolver projetos voltados para elas

Superintendência de Jornalismo

A política de levar os serviços da secretaria de Assistência Social até a comunidade se expande e agora agrega um público mais especifico, as mulheres. Foi realizada nesta quinta-feira, 08, no Centro de Cultura José Barroso, mais uma edição do projeto Café com Ideias de Mulheres. A iniciativa visa ir ao encontro das aparecidenses para ouvir suas necessidades e levar novos projetos e os serviços públicos até elas. Os debates dos encontros futuros irá girar em torno do papel da mulher na sociedade, família e vínculos familiares.

A ideia da secretária Mayara Mendanha é reunir mulheres de diferentes idades para rodas de conversa e palestras educativas e assim, durante os encontros, as mulheres levarem suas ideias, dúvidas e sugestões. O projeto terá início, a princípio, nas unidades dos Centros de Referência Especializados de Referência de Assistência Social (CREAS) do município.

“Vamos sair da secretaria e ir ao encontro dessas mulheres para entender suas verdadeiras necessidades e a partir daí, desenvolver trabalhos que possam agregar a todas. Seja na sociedade, no mercado de trabalho ou nos serviços públicos”, explica a secretaria de Assistência Social, Mayara Mendanha. A ação pretende chegar ainda as escolas e associações de bairros da cidade.

A secretaria de Assistência Social pretende, a partir das discussões apresentadas, desenvolver projetos mais especifico que visam o bem-estar social dessas mulheres. De acordo com a secretaria, existem profissionais como psicólogas e assistentes sociais em todas as unidades, mas a iniciativa com rodas de conversa mais descontraídas e as trocas de experiências podem contribuir para que elas se sintam mais confortáveis e confiantes.

O primeiro Café com Ideias de Mulher aconteceu no CREAS unidade III onde as famílias assistidas pela unidade assistiram a palestra de Cristine, que falou sobre o poder da mulher. “Durante toda esta semana nos reunimos com mulheres e seus familiares nas unidades dos CREAS, onde abordamos o papel delas nas questões familiares, pois assim, podemos ouvir o que pensam e a partir de então conseguiremos trabalhar e promover as transformações sociais necessárias na sociedade”, pontuou a psicóloga e coordenadora do CREAS II, Cristine Ramos Rocha.

Presente na palestra, a secretária Executiva da Mulher, Edenir Souza pontuou que o mês de março será voltado para ouvir as mulheres e suas demandas. “Queremos ouvir mais do que falar. Precisamos saber como está a saúde física e psicológica delas. Muitas vezes essas mulheres passam por algum problema de saúde e não sabem como agir e nem a quem procurar. Essa iniciativa vai dar oportunidade para que elas sejam orientadas de forma correta”, explicou.