10/06/2019 – GOIÁS – Iniciativa da prefeitura alcança progressos na educação de Águas Lindas de Goiás.

O 1° bimestre letivo de 2019 alcançou o número recorde de 12,4 milhões de presenças
escolares em Águas Lindas de Goiás, um aumento de 70% para 95%. O número deve
corresponder a, no mínimo, 85% das crianças e adolescentes de 6 a 15 anos. Para os
beneficiários do programa Bolsa Família entre 16 e 17, os números correspondem a 75%. Ou
seja, os índices de abandono escolar diminuíram e a frequência escolar aumentou
consideravelmente.

Hildo do Candango

Matheus Paiva

Avanços na educação do município foram possíveis graças às iniciativas da gestão de Hildo do
Candango, como o Evasão Zero. O programa é responsável pelo acompanhamento de crianças
e adolescentes em idade escolar. As redes municipais e estaduais são coordenadas pelos
Ministérios da Saúde e Cidadania, incluindo os beneficiários do Bolsa Família.

Tiago Falcão, Secretário Nacional de Renda e Cidadania, declara que “estas condicionalidades
são aspectos positivos para o acompanhamento dos beneficiários e que se estes dados tiverem
êxito, deve-se a escolha de combinar o programa Bolsa Família com as condicionalidades de
educação e saúde”.

Dificuldades financeiras, a necessidade de ingressar no mercado de trabalho precocemente, a
exclusão, dificuldades no aprendizado, o uso de drogas e a marginalização estão entre os
diversos motivos responsáveis pelo abandono escolar de crianças e adolescentes, e cabe às
autoridades políticas vigentes desenvolverem políticas públicas a fim de manter esses jovens
em sala de aula.