11/04/2018 – GOIÁS – Instituições financeiras devem garantir pagamentos e saques em municípios isolados, cobra Sérgio Petecão

Brasília – O senador Sérgio Petecão (PSD) se reuniu, nesta terça-feira (10), com o Diretor Geral de Unidades e Canais do Banco do Brasil, Neirim Goulart Duarte, para tratar da ampliação dos serviços do Banco do Brasil no município de Santa Rosa do Purus, e do projeto de implementação do Banco Postal. As iniciativas visam garantir mais acesso da população local a operações financeiras.

Senador Ségio Petecão PSD

Na reunião, Sérgio Petecão ressaltou a importância de serem garantidas mais opções e qualidade dos serviços bancários em Santa Rosa. “Estamos tratando de um município isolado, onde se chega apenas por intermédio de barco, ou avião. Quando o nível do rio está baixo, torna-se impossível o trafego de embarcações, deixando a população ainda mais isolada. Não dá para acreditar que, para que o cidadão faça o pagamento de uma conta, ou um saque, seja necessário se deslocar ao município vizinho, em uma viagem que pode durar dias”, apontou o senador.

Para o senador, a iniciativa dos Correios em levar agência do Banco Postal a Santa Rosa do Purus mostra respeito e atenção da empresa com população do Acre. “São bem-vindas todas as ações que venham no sentido de melhorar o atendimento às necessidades bancárias da população no dia a dia, sobretudo, em regiões isoladas”, disse.

Ainda que os Correios, responsáveis pelos Bancos Postais, estejam adiantados na implementação da agência de Santa do Purus, para que os serviços de saque e pagamento de contas sejam oferecidos, é necessário que o Banco do Brasil ofereça suporte operacional. No entanto, a direção do Banco do Brasil informou que, atualmente, não existe viabilidade técnica do banco para atender a demanda, em razão dos custos operacionais que envolvem o transporte de valores e ações administrativas nas agências, como a contratação de sistemas de segurança, que faz parte da norma da empresa.

Porém, o Banco do Brasil assegurou a renovação de parceria com a Caixa Econômica Federal a fim de que os correntistas continuem a realizar operações financeiras em casas lotéricas.

Além de garantir a continuidade da parceria, que dará continuidade aos correntistas das duas instituições de fazerem transações nas casas lotéricas, Sérgio Petecão anunciou que o limite diário das transações será ampliado de R$ 100 para R$ 1 mil ainda neste semestre.