14/06/2019 – GOIÁS – Condomínio horizontal de alto padrão tem lançamento simultâneo em quatros pontos da cidade

Com projeto urbanístico assinado pelo premiado escritório inglês Broadway Malyan, o Plateau d’Or, do Grupo Toctao, será ancorado em conceitos como o walkability, que propõe um modelo de mobilidade sustentável. Empreendimento será construído próximo a GO 020, numa das últimas áreas disponíveis para expansão na região leste de Goiânia. Abertura de vendas é neste sábado, 15

Valdevane Rosa

O Grupo Toctao, conglomerado empresarial goiano com 23 anos de mercado e atuação em todo o País, lança neste próximo sábado (15/06), a partir das 8h, o Plateau d’Or, um condomínio horizontal de alto padrão que tem seu projeto urbanístico assinado pelo premiado escritório inglês Broadway Malyan. O lançamento será feito de forma simultâneo em quatro locais de Goiânia: nas agências da da URBS Private e My Brokers, ambas na Alameda Ricardo Paranhos, Setor Marista; na Adão Imóveis e K Hotel, na Avenida Deputado Jamel Cecílio, no Jardim Goiás; e na imobiliária Adão Vida Nova, que fica na Avenida Alexandre de Morais, no Setor Parque Amazônia. Interessados já podem conhecer a maquete do projeto, exposta na Casa Conceito localizada na Alameda Ricardo Paranhos, no Setor Marista.

Abrangendo uma área de 1,6 milhão de metros quadrados, localizada nas imediações da GO-020 (saída para Bela Vista), o empreendimento será construído numa das últimas áreas disponíveis para expansão no leste da capital, na região que abriga os condomínios horizontais de mais alto padrão da cidade. O projeto traz conceitos urbanísticos adotados em modernos centros urbanos do mundo, como Londres e Nova York. Um dessas propostas é o walkability ou caminhabilidade, que propõe um modelo de mobilidade urbana sustentável, que busca estimular a caminhada agradável em espaços especialmente planejados para tal.

“A ideia é aliar segurança, lazer, proximidade com a natureza e ainda a possibilidade de fazer compras, estudar, cuidar da saúde e até trabalhar em uma mesma região, podendo fazer tudo isso à pé”, explica diretor do Grupo Toctao, Alan de Alvarenga Menezes, ao falar de outro diferencial urbanístico que será adotado no Plateau d’Or: a criação, numa área de 180.000m², de uma centralidade, composta por polos de negócios, lazer, educação, cultura e bem-estar, e que será aberta também ao público de empreendimentos vizinhos.

Segundo o executivo, o masterplan da centralidade está baseado em cinco pilares: educação, saúde, serviços, comércio e cultura. Duas escolas de nível fundamental e médio já estão confirmadas no empreendimento, que contará com um heliporto. “Nossa proposta é a realização do desenvolvimento urbano de toda a região, que já conta com muitos condomínios horizontais que abrigam um grande contingente de moradores. Porém, essas pessoas precisam se deslocar por longas distâncias, para levar os filhos até as escolas, para ir trabalhar ou até mesmo para realizar compras”, afirma Alan Menezes.

Interação

O placemaking é outro conceito urbanístico que será adotado pelo condomínio horizontal e que consiste num processo de planejamento, criação e gestão dos espaços totalmente voltado para as pessoas, promovendo uma maior e saudável interação entre as mesmas e o próprio meio, fazendo de pontos de encontros e vias públicas, como parques, praças, ruas e calçadas, lugares atrativos e que facilitam a convivência.

A estimativa dos idealizadores do projeto é de que mais de 2.200 pessoas habitem o empreendimento, que contará com o total de 671 lotes, distribuídos em duas áreas residenciais e uma centralidade comercial, com lotes variando de 525 m² à 1.200 m². De acordo com o também diretor do Grupo Toctao, Geraldo Magela da Silva, serão investidos cerca de R$100 milhões em infraestrutura para desenvolvimento da área.