16/01/2020- Goiás- Jovens e adultos podem cursar EJA em modalidade semipresencial

As matrículas são pelo site www.matricula.go.gov.br até o dia 27 de janeiro.

A Educação de Jovens e Adultos na modalidade de ensino a distância (EJA TEC), lançada em agosto de 2019 pelo Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), está com inscrições abertas. As solicitações de vaga podem ser feitas pelo site www.matricula.go.gov.br até o dia 27 de janeiro.

Entre os dias 28 e 31 de janeiro, todos os estudantes que solicitaram vaga devem comparecer às suas respectivas escolas para a efetivação da matrícula, tendo em mãos documentos pessoais e comprovante de endereço com cópias e originais. As aulas terão início no dia 4 de fevereiro.

Como funciona
A EJA TEC engloba exclusivamente a terceira etapa de formação, correspondente ao Ensino Médio, e funciona apenas no período noturno. O programa tem duração de 18 meses (três semestres) e carga horária total de 1.200 horas, incluindo 400 horas presenciais.

Os encontros presenciais, correspondentes a 20% do curso, e as avaliações finais devem ser realizados nos 15 polos da Ejatec em Goiás. Em relação ao último semestre, foram adicionados seis polos (dois novos polos em Goiânia e um polo nos municípios de Cabeceiras, Inhumas, São Miguel do Araguaia e Valparaíso de Goiás).

Flexibilidade
O objetivo da EJA TEC é oferecer ao cidadão de 18 anos ou mais uma outra opção para concluir o Ensino Médio. Como afirmou a gerente de Educação de Jovens e Adultos da Seduc, Elisângela Borges, a conciliação dos estudos com o trabalho, e ainda com deveres domésticos e assistência familiar, além da dificuldade de locomoção, podem ser empecilhos para uma pessoa voltar a estudar.

Nesse caso, a EJA TEC possibilita o acesso ao conhecimento de forma prática, eficaz e flexível, de acordo com a disponibilidade de tempo e a realidade do educando. “Em casa, pelo próprio celular, a pessoa pode estudar e fazer as lições. O aluno tem uma flexibilidade maior e mais autonomia”, pontuou.

Outro fator que aponta para as vantagens da EJA TEC é a dificuldade de acesso a algumas regiões de Goiás, principalmente em épocas chuvosas, que dificulta o deslocamento diário para uma sala de aula. “Há cidades que praticamente ficam isoladas em épocas de chuva”, explicou.

Acompanhamento dos professores
Além do conteúdo que fica disponível na plataforma online, o estudante recebe orientação dos professores. Na escola-polo, funciona um Plantão de Dúvidas em que o aluno pode ir presencialmente para tirar dúvidas com os professores, mediante agendamento. “Eles não ficam soltos”, ressaltou Elisângela. Há, ainda, encontros presenciais obrigatórios, correspondentes a 20% do curso. As avaliações finais também são presenciais, nas escolas-polo.

Continuidade da EJA presencial
Para aqueles que preferem a modalidade presencial da Educação de Jovens e Adultos, o programa continua em funcionamento na rede estadual de ensino. “Se há possibilidade de estar na escola e a pessoa gosta de ir à escola, ela pode fazer o presencial. Existem estilos de aprendizado diferentes. Depende do perfil da pessoa”, explicou Elisângela.

Como fazer a matrícula
Na solicitação de vaga, que deve ser feita pelo site matriculas.go.gov.br, o usuário deve preencher os dados pessoais e informar o endereço de residência. No campo “Curso”, selecione EJA TEC e a série pretendida (1º, 2º ou 3º semestre*). Depois, no campo “Escolas”, digite o nome da escola-polo em seu município ou na cidade mais próxima.

*Observação: por conta da implantação gradual da EJA TEC, que começou no segundo semestre de 2019, não haverá turmas de 3º semestre, correspondente ao terceiro ano do Ensino Médio, no primeiro semestre de 2020. Nos polos antigos, haverá turmas do 1º e 2º semestres e, nos polos novos, apenas turmas do 1º semestre.

Lista de escolas-polo
Anápolis – Centro de Educação de Jovens e Adultos Professor Elias Chadud

Catalão – Centro de Educação de Jovens e Adultos Professora Alzira de Souza Campos

Ceres – Colégio Estadual Virgílio do Vale

Iporá – Centro de Educação de Jovens e Adultos Dom Bosco

Inhumas – Colégio Estadual Coronel Joaquim Pedro Vaz (novo)

Formosa – Colégio Estadual Claudiano Rocha

Cabeceiras – Colégio Estadual Professor Alfredo Nasser (novo)

Goiânia – Centro de Educação de Jovens e Adultos Universitário

Goiânia – Centro de Educação de Jovens e Adultos Arco Íris

Goiânia – Colégio Estadual Ary Ribeiro Valadão Filho (novo)

Goiânia – Colégio Estadual João José Coutinho (novo)

Caldas Novas – Centro de Educação de Jovens e Adultos Filostro Machado Carneiro

Aragarças – Centro de Educação de Jovens e Adultos de Aragarças

São Miguel do Araguaia – Escola Estadual Dom Bosco (novo)

Valparaíso de Goiás – Colégio Estadual Céu Azul (novo)

Comunicação Setorial Secretaria de Estado da Educação (Seduc Goiás)
Mais informações: (62) 3201-4050